Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
A QUALIDADE DE VIDA NO TRABALHO E OS NIVEIS DE ESTRESSE DOS PROFESSORES DAS ESCOLAS ESTADUAIS DE SANTA MARIA/RS
Número do projeto
054606
Número do processo
23081.025980/2020-58
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
16/09/2019
Data final
31/12/2020
Resumo
O presente trabalho tem como tema central a Qualidade de Vida no Trabalho (QV) e o stress enfrentado por professores de escolas públicas. Assim o objeto de estudo serão os professores de ensino médio atuantes em sala de aula das Escolas Estaduais da cidade de Santa Maria, situada no interior do Estado do Rio Grande do Sul/RS- BRASIL.O tema Qualidade de Vida no Trabalho QV, vem chamando a atenção de estudiosos, nas últimas décadas, por interferir no desempenho organizacional e inclui que pode elevar o nível de contentamento dos funcionários com reflexos sobre o trabalho de cada um e assim melhorar o desempenho de todos. O stress atualmente é uma das doenças que apresenta altos índices conforme a Organização Mundial da Saúde. Segundo OMS, 90% da população mundial sofrem com stress no Brasil que é o 2ª país com maior índice de stress, sendo que o primeiro país atualmente no ranking com pessoas mais estressadas é o Japão. Assim sendo, a questão problema, que norteia este estudo é compreender quais são os fatores que influenciam na QV, o stress dos docentes das Escolas Estaduais e dessa forma surgiu a preocupação com a questão problema a ser pesquisada: Quais fatores que influenciam na qualidade de vida e no stress dos docentes das Escolas Estaduais de Santa Maria? Espera com esse problema pode responder e propor melhorias para os professores no que refere-se a QV, e o stress. Alta carga horária de trabalho, condições inadequadas de trabalho, realização de dupla jornada e pouca oportunidade para se engajar em atividades de lazer são as variáveis mais frequentemente associadas ao adoecimento docente. Fatores associados ao estilo de vida também emergem como facilitadores do adoecimento, como sedentarismo e pouco lazer, que estão ligados ao pouco tempo livre e a fatores socioeconômicos. Desta forma trata-se de um conceito amplo que inclui a saúde física, o estado psicológico, crenças pessoais, relações sociais e suas relações com o ambiente. A princípio, o stress do professor, no Brasil, parece estar associado aos baixos salários, à precariedade das condições de trabalho, às atribuições burocráticas desgastantes, ao elevado número de alunos por sala de aula, ao despreparo do professor diante das novas situações e emergências da época, às pressões exercidas pelos pais dos alunos e pela sociedade em geral, à violência instaurada nas escolas, entre outras causas. A pesquisa é descritiva (Survey) por meio do método quantitativo e, quanto aos fins, uma pesquisa bibliográfica e campo. O objeto de estudo desta pesquisa são os professores de ensino médio atuantes em sala de aula. O Instrumento de coleta de dados que será usado é o questionário sobre a QV, baseado no modelo de Walton e que será usado para a coleta de dados, e o Questionário sobre stress, ambos impressos. O procedimento de coleta de dados será aplicado de forma direta aos professores nas escolas com questionários impressos com termo de esclarecimento livre de consentimento e terno livre de esclarecimento pós esclarecimento. Também está inserido no trabalho a liberação da coordenadoria de Educação para realizar a coleta de dados nas escolas estaduais, com os professores que quiserem participar da pesquisa. A análise dos dados será de forma Estatística e numérica. A população e amostra conta com a seleção dos estratos sendo que a população total da amostra é de número 1.314 professores. A seguir o instrumento de coleta de dados que será utilizado para a pesquisa é o questionário, com questões fechadas. Os dados obtidos por meio de questionários vão ser analisados por meio de duas etapas: Codificação e preparação, estatística descritiva, (media e desvio padrão), Teste T e ANOVA, e analise de Regressão. Assim que os dados forem obtidos eles serão codificados e preparados através do Software Microsoft Excel para analises posterior e assim obter os resultados da pesquisa.
Objetivos
1.1 OBJETIVOS Com o propósito de responder a problemática levantada, o presente estudo compreende um objetivo geral e cinco objetivos específicos, que são apresentados a seguir. 1.1.1 Objetivo geral Este trabalho tem por objetivo propor estratégias de enfrentamento para a melhoria dos níveis de Qualidade de Vida no Trabalho e diminuição dos níveis de Estresse dos professores das Escolas Estaduais de Educação no município de Santa Maria/RS. 1.1.2 Objetivos específicos a) Analisar os indicadores de Qualidade de Vida no Trabalho dos professores da rede estadual do município de Santa Maria. b) Identificar os níveis e os principais fatores de Estresse dos professores. c) Relacionar os indicadores de Qualidade de Vida no Trabalho com os fatores geradores de Estresse.
Justificativa
Por avaliar e fazer parte de todos esses enfrentamentos na atual conjuntura de transformação da educação é que surge o interesse na questão problema a ser pesquisada e, diante dessa situação de enfrentamento após a pesquisa, obter os resultados e propor melhorias, se possível na QVT, com diminuição do Estresse enfrentado atualmente pelos professores do Estado do Rio Grande do Sul/RS. Este trabalho busca propor propostas concretas de valorização do professor, que passa atualmente por desgastes em sua vida, tanto pessoal quanto profissional e na sociedade, e que nunca antes se esperou tanto da escola e da educação como no atual momento, expondo o educador a uma pressão social que vai aquém de suas possibilidades. Assim sendo, essas questões geram a exaustão emocional, que é uma situação em que os docentes sentem que não podem dar mais de si mesmos em nível afetivo. Percebem esgotada a energia e os recursos emocionais próprios, devido ao contato diário com problemas. A despersonalização e o desenvolvimento de sentimentos de atitudes negativas com problemas causam o endurecimento afetivo, a “coisificação” da relação. A falta de motivação desencadeia a falta de envolvimento pessoal no trabalho e a tendência de uma “evolução negativa”, afetando a habilidade para a realização e o contato com os alunos e com a organização.
Resultados esperados
Encontrar resultados medianos para as dimensões de QVT e altos níveis de stress, causados, principalmente, por baixos salários e condições de trabalho.
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
Qualidade de Vida
Palavra-chave 2
Estresse
Palavra-chave 3
Professores
Palavra-chave 4
Escolas Estaduais
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Concluído/Publicado
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
14/06/2021
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
6.02.02.00-9 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA
Linha de pesquisa
06.04.00 GESTAO DE RECURSOS HUMANOS E ORGANIZACOES
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.03 Projeto de Dissertação

Plano Gestão
Objetivo Estratégico
PDI 2016-2026 - Desafios
Educação inovadora e transformadora com excelência acadêmica
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases
  • Meta:
    identificação da QVT
    Período:
    01/02/2020 a 31/05/2020
    Valor:
    R$ 0,00
    Conclusão:
    100 %
    • Indicador:
      questionários
      Valor:
      200 questionários
      Conclusão:
      200 questionários
  • Meta:
    proposta de sugestão
    Período:
    01/05/2020 a 31/12/2020
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    100 %