Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
A produção textual como instrumento de cidadania
Número do projeto
050181
Número do processo
23081.051552/2018-66
Classificação principal
Ensino
Data inicial
01/01/2019
Data final
31/12/2021
Resumo
O presente projeto de ensino tem por objetivo geral contribuir para o processo de ensino-aprendizagem dos alunos do Ensino Médio do Colégio Politécnico da UFSM em relação à produção escrita de diversos textos, no intuito de criar condições para que esses sujeitos sejam críticos e competentes para interagirem, pela linguagem escrita, nas esferas sociais em que vivem. Ademais, busca-se desenvolver um aplicativo móvel que auxilie na visualização dos pontos a serem melhorados em cada produção textual. O embasamento teórico do projeto está alicerçado na teoria sociocultural de Letramentos (STREET, 1995, 2003; GEE, 1999; BARTON, HAMILTON, 2000; DIONÍSIO, 2006), cuja concepção de linguagem está ancorada na prática social, já que atividades de leitura e escrita são tomadas como fundamentalmente ligadas às estruturas sociais e interpenetradas em sistemas culturais, históricos, econômicos, políticos e dentro de estruturas de poder. Letramentos, nessa concepção sociocultural, referem-se aos usos da leitura e da escrita em práticas sociais específicas, em que o sujeito faz uso da linguagem, por meio da produção – oral e escrita – de gêneros discursivos, para agir, interagir e transformar a realidade que o cerca. Nesse sentido, busca-se auxiliar o estudante a tomar posição no lugar em que ocupa na sociedade, utilizando os instrumentos da leitura e da escrita, a fim de garantir seus direitos civis, políticos, sociais. Portanto, amparado em Bohn (2012), acredita-se que ter o domínio da escrita é ser cidadão. A metodologia deste projeto é composta por um conjunto de ações cíclicas e toma frente em três grandes blocos: nas aulas de Redação; no processo de construção do Bilhete Orientador e no desenvolvimento do aplicativo móvel. Em relação às aulas de Redação, estas serão desenvolvidas ao longo do ano de 2019, e tem por objetivo trabalhar a produção de diferentes gêneros textuais. Quanto ao processo de construção do Bilhete Orientador, a metodologia utiliza será a pesquisa-ação. Em relação ao desenvolvimento do aplicado móvel, far-se-á, primeiramente, um estudo das necessidades quanto aos quesitos a serem implementados no aplicativo e a inserção nele do Bilhete Orientador e, por fim, a aplicação e implementação do aplicativo nas aulas de Redação.
Objetivos
O objetivo geral deste projeto de ensino é contribuir para o processo de ensino-aprendizagem dos alunos do Ensino Médio do Colégio Politécnico da UFSM em relação à produção escrita de diversos textos, no intuito de criar condições para que esses sujeitos sejam críticos e competentes para interagirem, pela linguagem escrita, nas esferas sociais em que vivem. Os objetivos específicos são: • Auxiliar os alunos a produzirem textos escritos de diversos gêneros textuais, atendendo às exigências da matriz curricular de cada ano escolar; • Desenvolver a cultura da reescrita dos textos no sentido de aprimorá-los no uso de recursos linguísticos pertinentes aos diferentes gêneros trabalhados; • Aplicar o Bilhete Orientador como instrumento que prioriza o processo de escrita em detrimento do produto final; • Contribuir para o desenvolvimento da visão crítica dos estudantes, uma vez que produzir textos é um exercício de cidadania; • Desenvolver um aplicativo móvel para ser utilizado como recurso para facilitar a leitura e releitura dos textos produzidos, bem como verificar longitudinalmente o desempenho individual de cada aluno; • Aproximar a realidade tecnológica da sala de aula, uma vez que é nesse mundo digital em que os alunos estão inseridos; • Desenvolver as aulas da disciplina de Redação a partir de pesquisas aplicadas à luz da Teoria Sociocultural dos Letramentos e da Linguística Textual; • Desenvolver material didático para as aulas de Redação; • Contribuir para o bom desempenho dos alunos em concursos vestibulares e no processo seletivo do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM); • Auxiliar o aluno-bolsista na sua formação enquanto profissional que irá deparar-se, futuramente, com realidades análogas à produção textual em sala de aula; • Contribuir com a formação do aluno-bolsista na medida em que o desafia a criar um aplicativo inédito; • Patentear o aplicativo móvel desenvolvido, dando os créditos aos envolvidos no projeto e ao Colégio Politécnico da UFSM; • Participar de eventos e congressos para que o projeto seja amplamente divulgado e, assim, possa contribuir para que outras pessoas (professores, estudantes, alunos) também sejam beneficiadas; • Auxiliar na divulgação positiva do Ensino Médio do Colégio do Politécnico da UFSM.
Justificativa
As aulas de Redação, por se tratarem de aulas essencialmente práticas, promovem leitura e produção de textos que envolvem o entorno dos alunos tanto no contexto de sala de aula quanto nas demais esferas sociais. No primeiro ano (atualmente com 36 alunos), trabalha-se com textos jornalísticos e literários, com ênfase, portanto, em textos narrativos e descritivos. No segundo ano (atualmente com 39 alunos), a ênfase é em textos argumentativos de diversos gêneros: editorial, carta do leitor e artigo de opinião, por exemplo. Por fim, no terceiro ano (atualmente com 35 alunos), tratando-se de um período em que o aluno almeja a preparação para o ingresso na Universidade, considera-se, principalmente, a escrita do gênero Redação do ENEM. Considerando que o Colégio Politécnico possui um sistema bimestral de avaliação, em que cada bimestre o estudante produz, pelo menos, dois textos a serem lidos, corrigidos e comentados pela professora responsável da disciplina, o montante de textos torna-se expressivo . Ademais, proporciona-se uma interação entre professor e aluno por meio do Bilhete Orientador (BEVILAQUA, 2016) que funciona como ferramenta dialógica (FUZER, 2012) e auxilia o acompanhamento do processo de escrita e reescrita dos alunos em espiral de complexidade. Desde 2017, foi adotado o Bilhete Orientador como ferramenta de correção. Ao longo desse um ano e meio de aplicação da ferramenta, puderam-se visualizar resultados parciais positivos tais como: melhor interação entre professor e aluno; potencialização na orientação dirigida quanto às possíveis melhorias no texto; aumento da autoestima do estudante com elogios e incentivos para reescritas. Na concepção plural dos Letramentos, o processo de produção textual e, portanto, as diversas reescritas de um mesmo texto, são a base da proposta pedagógica defendida. Assim, o montante de redação a ser lido e corrigido a partir do Bilhete Orientador torna-se, muitas vezes, um empecilho para que novas propostas de produção textual sejam solicitadas, acarretando em demasiada demora no atendimento ao discente. Diante dessa problemática, o presente projeto de ensino busca promover agilidade no processo de correção, na medida em que busca o auxílio de dois bolsistas: um aluno do curso de Letras e um aluno do curso de Tecnologias em Sistemas para Internet . O estudante de Letras auxiliará a professora na correção das redações, proporcionando, assim, para ele, uma formação continuada. Já o estudante de Tecnologias desenvolverá um aplicativo móvel para que o aluno do Ensino Médio visualize sua redação, bem como seu desempenho em cada texto produzido. Considerando também que se vive hoje uma revolução tecnológica a qual está mudando a forma de comunicação, remodelando práticas sociais, torna-se fundamental trazer a escola para a realidade contemporânea. Moita Lopes (2012, p. 205) discute que o jovem vive as práticas sociais desses novos Letramentos, possibilitados pela tecnologia nas telas, e que ele não pode se restringir aos limites dos Letramentos tradicionais que envolvem somente a página de um livro impresso, privilegiada tradicionalmente pela escola. Assim, o aplicativo a ser desenvolvido aproximará o aluno ao mundo tecnológico o que, certamente, oportunizará uma interação mais eficaz entre professor e aluno, bem como mais motivação para a escritura dos textos. Por fim, cabe salientar que este projeto de ensino também poderia estar alocado como projeto de pesquisa, pois é indissociável a pesquisa da sala aula, uma vez que trabalhar, na perspectiva sociocultural dos Letramentos e à luz da Linguística Textual, é planejar, refletir e partir para a ação em um ciclo pedagógico incessante. Ademais, elaborar um aplicativo móvel exige pesquisa, implementação, aplicação e aperfeiçoamento constantes.
Resultados esperados
São três grandes resultados esperados: 1. Melhoria na produção textual dos alunos; 2. Ampliação da visão crítica dos alunos e, por consequência, maior atuação deles nas esferas sociais como leitores e escritores; 3. Desenvolvimento de metodologia diferenciada para a correção dos textos via bilhete orientador inserido em um aplicativo móvel.
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
Produção Textual
Palavra-chave 2
Bilhete orientador
Palavra-chave 3
Aplicativo Móvel
Palavra-chave 4
Cidadania
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Em andamento
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
17/12/2019
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
Patente de Invenção
Proteção Especial
Programa de Computador
Direito Autoral - Copyright
Sim
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Linha de pesquisa
83.01.01 ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA
Objetivos Sustentáveis da ONU
04 Educação de Qualidade

Plano Gestão
Objetivo Estratégico
PDI 2016-2026 - Desafios
Educação inovadora e transformadora com excelência acadêmica
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases
  • Meta:
    1 - Desenvolvimento das aulas de Redação
    Período:
    01/03/2019 a 31/12/2021
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    100 %
  • Meta:
    2 - Desenvolvimento do aplicativo móvel
    Período:
    01/01/2019 a 31/12/2021
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    50 %