Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
ANÁLISE E GERENCIAMENTO DA LOGÍSTICA URBANA
Número do projeto
049003
Número do processo
23081.020610/2018-18
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
09/04/2018
Data final
31/12/2020
Resumo
O presente projeto de pesquisa se estabelece conectado aos múltiplos esforços que se estão sendo realizados, por parte de instituições e de grupos de pesquisa para resolver problemas relacionados ao transporte nas cidades. Com o crescimento das cidades, a concentração de atividades econômicas e de oportunidades para uma melhor qualidade de vida incentiva a migração direcionada aos grandes centros urbanos. Juntas, as 100 maiores cidades concentram 40% do PIB mundial (DOBBS et al. 2011). O processo de abastecimento das cidades é um sistema complexo, onde diferentes atores interagem para atingir seus objetivos, muitas vezes conflitantes (MUÑUZURRI et al. 2012). O objetivo principal da pesquisa é aumentar e consolidar a compreensão sobre os problemas relacionados ao transporte nas cidades e apresentar alternativas para minimiza-los através de soluções integradas. Para tal, este projeto se propõe a listar as soluções existentes para o problema, caracterizar os agentes envolvidos e seus objetivos, buscar formas quantitativas para a medição destes objetivos, e levantar variáveis de entrada e saída relacionadas ao sistema de transporte nas cidades. Adicionalmente, um modelo conceitual será construído buscando apresentar os impactos causados em cada um dos agentes e a importância da visão sistêmica para a gestão do transporte nas cidades.
Objetivos
O objetivo principal da pesquisa é aumentar e consolidar a compreensão sobre os problemas relacionados ao transporte nas cidades e apresentar alternativas para minimiza-los através de soluções integradas. Para tal, este projeto se propõe a listar as soluções existentes para o problema, caracterizar os agentes envolvidos e seus objetivos, buscar formas quantitativas para a medição destes objetivos, e levantar variáveis de entrada e saída relacionadas ao sistema de transporte nas cidades. Adicionalmente, um modelo conceitual será construído buscando apresentar os impactos causados em cada um dos agentes e a importância da visão sistêmica para a gestão do transporte nas cidades.
Justificativa
A eficiência com que as operações logísticas são realizadas no nível urbano pode aumentar a competitividade econômica de uma cidade. O processo de abastecimento das cidades é um sistema complexo, onde diferentes atores interagem para atingir seus objetivos, muitas vezes conflitantes (MUÑUZURRI et al. 2012). O aumento da população em grandes cidades gera uma maior demanda por produtos como alimentos, produtos para higiene, móveis, roupas, etc. Para sustentar este estilo de vida, um número significativo de caminhões com cargas fracionadas disputa com outros veículos um espaço cada vez mais escasso nos centros urbanos, seja para circulação, seja para estacionamento, com o propósito de carga ou descarga das mercadorias (BROWNE et al. 2005). . Contudo, esta atividade acarreta efeitos nos custos dos produtos consumidos pela população impactando diretamente na eficiência econômica da região, além de trazer consequências ao meio ambiente, como no consumo de energia, emissão de poluentes, ruído, poluição visual, entre outros. Congestionamentos, atrasos, e acidentes, e impactos sobre a saúde são outros, são os efeitos de um planejamento inefetivo da carga urbana das cidades.A forma urbana e a funcionalidade da cidade são elementos-chave para diminuir deslocamentos, distâncias e/ou transbordos diários. Mas para que ocorra esse desenvolvimento sustentável, as cidades necessitam formular e implementar políticas de transporte e de circulação integradas. O efeito potencial de expansão urbana afeta a qualidade de vida dos moradores das cidades e o transporte (PUCHER et al. 2007; CHAMON e OKAWA, 2008; BARABINO, DEIANA e TILOCCA, 2012; IPEA, 2013).
Resultados esperados
Buscar-se-á contribuir para tornar as cidades cada vez mais instrumentadas (com larga coleta de dados), interconectadas (interdependentes) e inteligentes (auto-adaptáveis), e o desafio será envolver tanto as pessoas como os setores, no processo de constante adaptação das cidades a novas demandas. A logística é um facilitador da qualidade de vida nas cidades. A logística urbana não diz respeito apenas ao transporte de mercadorias. É necessário considerar todos os movimentos de pessoas para o funcionamento das empresas, serviços e locais empresariais. Pautados às “smart cities”, um dos elementos a serem desenvolvidos diz respeito à mobilidade urbana, também conhecida como “smart transportation”, que envolve o transporte da população e também o abastecimento.
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
Logística urbana
Palavra-chave 2
City Logistics
Palavra-chave 3
Competitividade
Palavra-chave 4
transporte
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Em andamento
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
19/02/2020
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
3.10.00.00-2 ENGENHARIA DE TRANSPORTES
Linha de pesquisa
84.04.01 ANÁLISE
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.09 Projeto de Pesquisa, Ensino e Extensão
Objetivos Sustentáveis da ONU
09 Indústria, Inovação e Infraestrutura

Plano Gestão
Objetivo Estratégico
PDI 2016-2026 - Desafios
Desenvolvimento local, regional e nacional
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Cidades de atuação
Cidades
Cidade
UF
Período
Cachoeira do Sul
RS
09/04/2018 a 31/12/2020
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases
  • Meta:
    1 - Levantamento de dados
    Período:
    16/04/2018 a 30/12/2019
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    100 %
    • Indicador:
      1.1 - Número de resumos ou artigos publicados
      Valor:
      1 unidade
      Conclusão:
      0 unidade
    • Fase:
      1.1.1 - Resumo ou artigos submetidos
      Período:
      16/04/2018 a 30/12/2019
      Conclusão:
      100 %
      • Sub-fase:
        1.1.1.1 - Revisão bibliográfica sobre o tema mobilidade urbana sustentável e logística urbana;
        Período:
        16/04/2018 a 05/12/2019
        Conclusão:
        100 %
      • Sub-fase:
        1.1.1.2 - mapeamento das variáveis intervenientes ao serviço de transporte
        Período:
        16/04/2018 a 05/12/2019
        Conclusão:
        0 %
      • Sub-fase:
        1.1.1.3 - levantamento das ações para a resolução do problema de carga urbana nas cidades
        Período:
        16/04/2018 a 05/12/2019
        Conclusão:
        100 %
      • Sub-fase:
        1.1.1.4 - Diagnóstico de identificação das características estruturais, das dimensões e das necessidades do serviço de distribuição
        Período:
        16/04/2018 a 05/12/2019
        Conclusão:
        0 %
  • Meta:
    2 - Apresentação dos resultados
    Período:
    25/11/2019 a 31/12/2020
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    0 %
    • Indicador:
      Apresentação dos resultados
      Valor:
      1 unidade
      Conclusão:
      0 unidade
  • Meta:
    3 - Participação em eventos nacionais e internacionais
    Período:
    26/11/2019 a 31/12/2020
    Valor:
    R$ [Não informado]
    Conclusão:
    0 %