Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
Separação conjugal: o papel dos filhos adolescentes
Número do projeto
037171
Número do processo
037171
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
15/04/2014
Data final
31/01/2016
Resumo
Embora estejamos já distantes do tempo em que a separação conjugal constitua-se em um estigma de condenação para os membros de uma família, esta não deixa de se constituir em um momento crise não previsível no ciclo vital familiar, gerando a necessidade de que todos os membros envolvidos reajustem os papéis ocupados no grupo familiar até então. O presente estudo tem como objetivo investigar o papel dos filhos adolescentes no contexto da separação conjugal dos progenitores. Participarão do estudo dez adolescentes (12-18 anos) cujos progenitores encontrem-se separados (oficial ou não oficialmente) no momento de coleta dos dados. Será considerado como critério de inclusão que a separação conjugal dos progenitores tenha ocorrido durante a adolescência dos participantes. Os participantes serão estudantes de escolas públicas ou privadas de Ensino Médio da cidade de Santa Maria, com nível socioeconômico variado. Os adolescentes responderão a uma entrevista de dados sociodemográficos, juntamente com o pesquisador será construído o genograma familiar do participante e os adolescentes responderão à Entrevista sobre a Separação Conjugal dos Progenitores. A análise de conteúdo qualitativa será utilizada para examinar, através do relato dos adolescentes, o papel desempenhado por esses no contexto familiar de uma separação conjugal. Espera-se que este estudo possibilita aproximar-se a vivência de adolescentes acerca da separação de seus progenitores, identificando possíveis fontes de sofrimento e também aspectos protetivos ao longo deste processo. Espera-se, ainda, que os resultados deste estudo sirvam como subsídio para intervenções junto a famílias que vivenciam a separação conjugal a fim de minimizar os eventuais sofrimentos gerados nesse processo. Mais que isso, destaca-se a importância de investir em ações de promoção de saúde junto às famílias em momentos de crise tais como o que ocorre frente a uma separação conjugal.
Observação
[Não informado]
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
separação conjugal
Palavra-chave 2
adolescência
Palavra-chave 3
relações familiares
Palavra-chave 4
[Não informado]
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Concluído/Publicado
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
31/01/2017
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
7.07.10.00-7 TRATAMENTO E PREVENÇÃO PSICOLÓGICA
Grupo do CNPq
014 NÚCLEO DE ESTUDOS INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE
Linha de pesquisa
00.02.00.00 MESTRADO
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.05 Projeto de Pesquisa e Ensino

Nenhum objetivo estratégico indicado
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Cidades de atuação
Cidades
Cidade
UF
Período
Santa Maria
RS
15/04/2014 a 31/01/2016
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases