Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
Intervenção por telefone: estratégia para redução da ansiedade de paciente e familiar em tratamento radioterápico
Número do projeto
036210
Número do processo
036210
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
18/12/2013
Data final
30/12/2016
Resumo
O câncer é uma das principais causas de mortalidade e o número total de casos está aumentando em todo o mundo, configurando-se como um problema de saúde pública. Neste aspecto a prática de enfermagem associada a recursos de tecnologias de comunicação pode produzir mudanças significativas na capacidade de ajustamento à nova condição de saúde, para o paciente oncológico e o familiar. Desta forma, o presente estudo tem como pergunta de pesquisa: Quais os efeitos de uma intervenção por telefone na diminuição dos níveis de ansiedade de pacientes e familiares durante o tratamento radioterápico? A hipótese é que uma intervenção por telefone ao paciente e ao familiar diminui os níveis de ansiedade presentes durante o tratamento radioterápico. O objetivo consiste em avaliar os efeitos de uma intervenção por telefone na diminuição dos níveis de ansiedade de paciente e familiar durante o tratamento radioterápico. Trata-se de um ensaio clínico randomizado. Os sujeitos do estudo serão pacientes que estejam iniciando o tratamento radioterápico e um familiar. O estudo será realizado junto ao ambulatório de radioterapia de um Hospital Público Universitário do Rio Grande do Sul/RS. A coleta dos dados será realizada em três momentos, entre os meses de abril a julho de 2014. Como instrumento para coleta dos dados será utilizado um questionário com questões sócio demográficas e clínicas, e o Inventário de Ansiedade Traço-Estado (IDATE). As intervenções serão realizadas por meio de contatos telefônicos aos participantes da pesquisa. A análise dos dados se dará por meio do pacote estatístico SPSS (Statistical Package for Social Sciences) para Windows versão 15.0. O estudo observará a Resolução 466/12 do Conselho Nacional de Saúde. Os resultados deste estudo possibilitarão a enfermagem o redirecionamento e formulação de suas práticas ao paciente em tratamento oncológico, por meio da reflexão de propostas inovadoras e tecnológicas, do interesse das pessoas envolvidas, que permitam elos no processo de compreensão e construção dos conhecimentos. Também, destaca-se ser essencial a inclusão da família neste processo, uma vez que necessita de ações de educação em saúde de forma contínua para apoiar o cuidado cotidiano.
Observação
[Não informado]
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
Enfermagem
Palavra-chave 2
Neoplasias
Palavra-chave 3
Intervenção
Palavra-chave 4
Família
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Concluído/Publicado
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
05/01/2017
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
4.04.00.00-0 ENFERMAGEM
Grupo do CNPq
234 CUIDADO, SAÚDE E ENFERMAGEM
Linha de pesquisa
02.00.00 SAUDE
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.03 Projeto de Dissertação

Nenhum objetivo estratégico indicado
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Cidades de atuação
Cidades
Cidade
UF
Período
Santa Maria
RS
18/12/2013 a 30/12/2016
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases