Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
ABRAMUS ARQUITETURAS PARA UM BRASIL MUSICAL: ADEQUAÇÃO ACÚSTICA DA CONSTRUÇÃO DOS ESPAÇOS DE ENSINO - APRENDIZAGEM DA MÚSICA NAS ESCOLAS DE ENSINO BÁSICO
Número do projeto
028562
Número do processo
028562
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
03/03/2010
Data final
03/12/2012
Resumo
A história da educação no Brasil terá um registro histórico em 2011: o final do prazo para a implementação da Lei nº. 11.769 de 18 de agosto de 2008, que altera a Lei nº. 9.394 de 20 de dezembro de 1996 (Lei de Diretrizes e Base da Educação) tornando obrigatório o ensino de música na educação básica, passando esta a fazer parte dos currículos escolares de forma obrigatória, mas não exclusiva. O sucesso dessa inserção nos currículos não vai depender apenas do empenho dos dirigentes e educadores, mas de propostas para a organização dos espaços para este aprendizado. Essa organização deverá contemplar duas situações, os recintos fechados (salas de aula) e ao ar livre (pátios das escolas ou outros). A busca de soluções práticas para viabilizar o ensino da música vai depender do empenho de pesquisadores em minimizar problemas acústicos como a reverberação em ambientes fechados, como salas de aula, bem como atenuar os efeitos do ruído em ambientes abertos. O projeto acústico está vinculado ao uso do espaço, para música ou canto, ou os dois simultaneamente, por isso é preciso definir prioridades: se a qualidade da música ou a compreensão da fala. Este projeto de pesquisa pretende contribuir para que a inserção do ensino da música nas escolas seja feita de forma correta, ele está inserido no Programa Pró - Cultura, vinculado a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pesquisadores de Ensino Superior/Ministério da Cultura (CAPES/MINC) (edital nº 07/2008), sob a denominação de ABRAMUS Arquiteturas para um Brasil musical - Rede de estudos em adequação dos espaços escolares para ensino e aprendizagem da música, com destaque às escolas de nível fundamental, sendo integrantes dessa rede: a Universidade Federal do Paraná (UFPA, a Escola de Música e Belas Artes do Paraná (EMBAP), a Universidade Federal do Pará (UFPA) e a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Como justificativa, pode-se dizer que a aprendizagem da música contribui para a formação integral dos indivíduos, com ela a educação vai modificar muito mais que a estrutura curricular da educação básica, vai agregar ao estudante um novo modelo de comportamento, pois a música qualifica o indivíduo como ser social. Este estudo tem como objetivo geral, desenvolver diretrizes para adequação acústica da construção de novas edificações e adaptação das existentes, quanto a espaços de ensino-aprendizagem de música. Como objetivos específicos: realizar diagnóstico das condições físicas e ambientais de escolas de ensino fundamental, sob o ponto de vista acústico; verificar parâmetros acústicos em ambiente externo e interno das escolas, considerando a amostra selecionada; comparar valores medidos in situ com os valores estabelecidos nas normas e também com valores apresentados em bibliografia; conhecer a opinião de dirigentes, professores e alunos sobre as condições físicas e ambientais das escolas e a inserção da música em seus currículos. Este estudo será realizado através de uma pesquisa exploratória, pois existem muitos estudos realizados na área da acústica, relacionados a adequação das salas de aula, salas de ensino - aprendizagem de música, acústica do entorno das escolas e outros que necessitam ser relacionados e sistematizados, para contribuir com as condições atuais das escolas estaduais de Santa Maria, podendo ser adequada as outras redes de ensino, com o papel de padronizar os procedimentos de construção e adequação dos espaços destinados ao aprendizado acima referido. Os procedimentos metodológicos são: revisão bibliográfica, diagnóstico das condições físicas e ambientais das escolas selecionadas por amostragem não probabilística, através da técnica da observação; medições acústicas in situ segundo as normas, com fins comparativos; abordagem dos sujeitos de pesquisa da amostra de escolas, através de entrevista estruturada e para os alunos escolhidos aleatoriamente, será por meio de questionário, esse processo será adequado aos procedimentos éticos de pesquisa com humanos; organização, interpretação e análise estatística dos resultados; elaboração de propostas para solucionar o problema proposto.
Observação
[Não informado]
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
Acústica
Palavra-chave 2
Acústica Musical
Palavra-chave 3
Educação
Palavra-chave 4
[Não informado]
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Concluído/Publicado
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
23/12/2013
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
3.13.00.00-9 ENGENHARIA AMBIENTAL
Linha de pesquisa
00.02.11.02 CONFORTO AMBIENTAL
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.03 Projeto de Dissertação

Nenhum objetivo estratégico indicado
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases