Visualizar projeto

Dados Básicos
Título
DESENVOLVIMENTO DA FALA EM CRIANÇAS NASCIDAS A TERMO E PRÉ-TERMO DE 1 A 5 ANOS DE IDADE
Número do projeto
025195
Número do processo
025195
Classificação principal
Pesquisa
Data inicial
10/03/2009
Data final
10/12/2009
Resumo
Introdução: Os avanços na área da atenção peri-natal têm aumentado a sobrevida dos recém-nascidos pré-termo, fazendo surgir questionamentos a respeito do desenvolvimento dessas crianças. A literatura evidencia que crianças nascidas prematuras e com baixo peso estão mais propensas a alterações no desenvolvimento, inclusive quanto à linguagem, tanto expressiva como compreensiva. Justificativa: Apesar de existirem estudos relacionando a prematuridade, o baixo peso ao nascer e a aquisição dos padrões de fala, estes não estão relacionados à estimulação sensório-motora-oral durante a internação em unidade de tratamento intensivo neonatal. Existe a necessidade de investigar se a idade gestacional e o baixo peso ao nascimento alteram a aquisição de fala das crianças e se a estimulação sensório-motora-oral é capaz de prevenir esta alteração. Objetivo: Verificar quais fatores influenciam na aquisição da fonologia das crianças nascidas a termo e pré-termo. Métodos: Serão critérios de inclusão para este estudo nascimento a termo e pré-termo no Hospital Universitário de Santa Maria e idade entre 1 e 5 anos. Serão realizadas avaliação da audição, do sistema estomatognático e da linguagem. Serão excluídos da amostra os sujeitos que apresentarem perda auditiva, alterações do sistema estomatognático que causem distúrbio articulatório, atraso global do desenvolvimento e atraso de linguagem. As crianças constituirão três grupos, o grupo de referência (GR) e grupo de estudo 1 (GE1) e o grupo de estudo 2 (GE2). O grupo de referência (GR) será constituído pelas crianças nascidas a termo e o grupo estudo será constituído pelas crianças nascidas pré-termo que receberam estimulação sensório-motora oral (GE1) e que não receberam estimulação sensrório-motora-oral (GE2). Os grupos serão subdividos em cinco subgrupos cada, de acordo com a idade das crianças (1, 2, 3, 4 e 5 anos), para que possa ser feita uma melhor relação com a aquisição fonética/fonológica. As seguintes análises serão realizadas: relação entre o nascimento prematuro e a termo, e a aquisição fonética-fonológica; relação entre a presença e a ausência de estimulação sensório-motora-oral em crianças nascidas pré-termo e a aquisição fonético-fonológica; relação entre a idade gestacional e a aquisição fonético-fonológica; relação entre o peso ao nascimento e a aquisição fonético-fonológica.
Observação
[Não informado]
Projeto em âmbito confidencial
Não
Projeto superior
-
Palavra-chave 1
bebê de risco
Palavra-chave 2
desenvolvimento de fala
Palavra-chave 3
[Não informado]
Palavra-chave 4
[Não informado]
Tipo de evento
Não se aplica
Carga horária do curso
[Não informado]
Situação
Concluído/Publicado
Avaliação
Sem pendências de avaliação
Última avaliação
08/06/2011
Gestão do conhecimento e gestão financeira
O projeto pode gerar conhecimento passível de proteção?
Não
Propriedade Intelectual
[Não informado]
Proteção Especial
[Não informado]
Direito Autoral - Copyright
Não
O projeto contrata uma fundação? Indique a fundação
Não necessita contratar fundação
Classificações
Tipo
Classificação
Classificação CNPq
4.07.00.00-3 FONOAUDIOLOGIA
Linha de pesquisa
02.00.00 SAUDE
Quanto ao tipo de projeto de pesquisa
2.03 Projeto de Dissertação

Nenhum objetivo estratégico indicado
Participantes
Matrícula Nome Função Carga Horária Período
@{matricula} @{pessoa.nomePessoa} @{funcao.descricao} @{cargaHoraria} h/semana @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Órgãos
Unidade Função Período
@{descricao} @{funcao.descricao} @{dataInicial|format=dd/MM/yyyy} a @{dataFinal|format=dd/MM/yyyy}
Plano de Trabalho
Metas/Indicadores/Fases